in

Apenas 8 marcas de Rações para cachorro foram consideradas boas por Análise

Apenas oito rações para cachorro foram consideradas boas em uma pesquisa da Proteste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor) com 15 marcas divulgada no começo da semana. O estudo avaliou a composição de dez marcas para cães adultos e cinco para filhotes com base nos parâmetros da Federação Europeia da Indústria de Ração Animal (Fediaf).

Foram medidas as quantidades de proteína, gordura, fibras e minerais como cálcio, fósforo e zinco, além das calorias. A associação apontou a marca Champ como a pior entre as analisadas, por apresentar pouca proteína e gordura em suas duas versões.

A ração Pro Plan — a mais cara, segundo a pesquisa — foi considerada o produto com a qualidade mais alta. O melhor custo-benefício, no entanto, foi associado às marcas Golden (para adultos) e DogChow (filhotes).

Análise

O estudo também questionou a qualidade das proteínas da ração Pedigree, que teria digestibilidade abaixo do recomendado, e apontou níveis de zinco um pouco abaixo do recomendado nas marcas Equilíbrio, Golden e Max, para adultos, e Herói, para filhotes. Esta última também apresentou menos calorias do que o recomendado e excesso de cálcio na composição.

No ranking final, foram consideradas de “boa qualidade” as marcas Pro Plan, Royal Canin, Golden, Dog Chow, Equilíbrio e Max, para adultos, e God Chow e Golden, para filhotes.

Pedigree, Herói e Magnus, para adultos, e Pedigree e Herói, para filhotes, foram classificadas como “média qualidade”.

Já as duas versões da Champ foram consideradas de “baixa qualidade”.

Saiba como ficou o ranking da pesquisa, de acordo com a pontuação de cada marca:

Adulto

  1. Pro Plan (Sabor Frango & Arroz)
  2. Royal Canin (Cães de porte médio)
  3. Golden (Sabor frango & arroz)
  4. Dog Chow (Sabor frango & arroz)
  5. Equilíbrio (Active)
  6. Max (Premium special — carne)
  7. Pedigree (Vital-Pro sabor carne e vegetais)
  8. Herói (Sabor carne e vegetais)
  9. Magnus (Carne)
  10. Champ (Carne & cereal)

Filhote

  1. Dog Chow (Sabor frango & arroz)
  2. Golden (Sabor frango & arroz)
  3. Pedigree (Vital Pro — Filhotes raças médias e grandes)
  4. Herói (Sabor carne e cereais)
  5. Champ (Alimento completo para cães em crescimento)

Estudo

Segundo Marcia Carvalho, técnica responsável pelo estudo e representante da Proteste, a entidade fez a avaliação porque percebeu um crescimento no mercado pet nos últimos anos e constatou fragilidade na regulamentação do setor.

“No momento, não temos nenhuma lei que regulamente o que é uma ração adequada”, explica.

Marcia diz que a entidade não esperava que as rações mais caras teriam resultados tão superiores aos das rações mais caras. “Imaginamos que haveria produtos mais em conta que pudessem atender aos requisitos de qualidade mínimos. Mas percebemos que produtos que têm preço maior realmente têm qualidade maior”, diz.

O guia da Proteste para rações está disponível no site da entidade mediante cadastro e associação à entidade.

Fabricantes

Procurada pelo Viver Bem, a Mars — fabricante das rações Champ e Pedigree — disse que discorda dos resultados apresentados pela Proteste, pois os testes realizados “não seguiram os métodos adequados recomendados pela Federação Europeia da Indústria de Ração Animal (FEDIAF), que dispões sobre os padrões técnicos e de qualidade de matérias-primas e produtos acabados, além de parâmetros nutricionais, metodologias e condições ideais de produção”, conforme nota enviada pela empresa à imprensa.

Ainda segundo a Mars, os testes realizados pela Proteste não consideraram as diferentes categorias e tipos de produtos disponíveis no mercado e fizeram uma comparação equivocada sobre os produtos, pois não levaram em consideração as peculiaridades e o perfil nutricional de cada categoria. A companhia também garantiu que cumpre padrões de qualidade rigorosos.

O presidente-executivo da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), José Edson Galvão de França, diz que qualquer pesquisa de uma parte independente é bem-vinda e “salutar para o consumidor”, e ressaltou que os parâmetros nutricionais da Fediaf usados para avaliar os produtos também são usados no Manual Pet Food — um documento criado pelos próprios fabricantes para orientar uma espécie de autorregulamentação do setor.

Ele afirma que não pode atestar os estudo da Proteste por não ter tido acesso às metodologias, mas diz que as conclusões sugerem que a indústria está cumprindo todos critérios, já que os resultados negativos foram exceção.

“[O resultado] não nos surpreende. No geral, está se dizendo que todas estão atendendo [aos critérios adotados]”, diz.

“A melhor coisa a se fazer é consultar o veterinário”

Segundo a doutora em nutrição animal e professora da Universidade Tuiuti do Paraná (UTP) Ana Luisa Palhano Silva, as rações realmente precisam seguir parâmetros de tabelas internacionais para serem consideradas adequadas.

A especialista adverte, no entanto, que este não pode ser o único critério para a escolha da melhor ração para os cães.

“Muitas vezes as rações são comparadas entre si no sentido de que as mais ricas, com mais nutrientes, são as melhores. Isso não é verdade. Isso varia de acordo com as raças e as condições dos animais”, diz.

Como se trata de um técnico e complexo, o que deve realmente orientar a escolha dos consumidores devem ser as indicações dos profissionais que fazem o acompanhamento médico dos animais.

“As rações de melhor qualidade não fazem propaganda na tevê e não são vendidas em supermercados, porque as boas rações são indicadas pelos médicos veterinários”, diz.

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comments

0 comments

10 comportamentos nossos que causam estresse nos cães

Cão Fiel se recusa a deixar o lado do Dono que caiu e ficou inconsciente