in

É seguro comprar ração a granel?

A necessidade ou a tentação de cortas gastos faz com que muitos tutores de animais de estimação optem por comprar rações a granel, modalidade de compra onde é possível determinar o quanto irá se gastar ou consumir, pois as rações são colocadas em recipientes fora da embalagem original e vendidas a peso.

Mas a velha máxima de que o barato pode sair caro faz jus no caso das rações a granel.

A medida muitas vezes tem o efeito de gerar mais custos e abalos emocionais do que economia, por ser fonte potencial de doenças e nutrição inadequada, prejudicando o bem estar do animal.

Mas qual o problema das rações a granel para oferecer tamanho risco?

Eis alguns:

Contaminação

Os comércios que adotam a prática das rações a granel costumam retirar as rações das embalagens originais e colocá-las em recipientes para chamar a atenção dos consumidores e gerar efeito visual agradável. Porém as deixam expostas nas vitrines, sem qualquer tipo de vedação ou vigilância que impeça a contaminação por agentes externos, como fungos, insetos e ratos.

Esse último é o que representa a maior ameaça, pois a sua urina pode transmitir a leptospirose, doença que pode ser repassada do animal para o homem.

Acrescenta-se que a exposição das rações a granel ao ar livre e outros agentes podem fazer com que nutrientes se percam, piorando muito a qualidade da ração e proporcionando ao animal uma alimentação pobre, oferecendo risco de consequências futuras a sua saúde.

Validade

As embalagens que chegam das mãos dos fornecedores são, na maioria das vezes, descartadas sem marcação prévia de informações importantes, como a data de validade.

Como no comércio de rações a granel se mistura várias unidades de um mesmo produto é impossível ao vendedor, e ao consumidor, em alguns casos, determinar se a ração está dentro do prazo de validade, próxima de vencer ou se em fase de consumo impróprio.

Considerando que é difícil haver níveis de vendas sempre estáveis ao longo do ano é bem possível que se comercialize grãos já em fase de deterioração, passando batido pelo exame do tutor ou contando com o silêncio dos vendedores receosos de má publicidade.

Compra as escuras

Outro problema do descarte das embalagens pelo sistema de rações a granel é o de privar a clientela de informações importantes a respeito dos valores nutricionais de cada ração.

Esses dados ajudam na hora de escolher o produto que proporcionará a alimentação mais saudável ao animal e que seja mais compatível com o orçamento disponível. Alguns processos industriais de produção de ração apresentam excessos de açúcares e componentes químicos afetando diretamente o bem estar do animal, que pode passar a ter crises de diarreias e vômitos.

Malandragem do seu Zé

Uma possibilidade que, a não ser que se tenha total confiança no comerciante, não se pode ignorar nas vendas de rações a granel é que, além do modus operandi que dá margem ao risco do consumidor adquirir produto fora de suas condições ideais, o próprio empreendedor, a fim de evitar desperdício, ou seja, prejuízo, pode misturar por conta própria rações vencidas ou com a qualidade comprometida por outras razões.

Conclusão

Comprar rações a granel aumenta o risco de adquirir produtos contaminados, com baixos valores nutricionais e fora do prazo de validade podendo comprometer a saúde do animal doméstico e pôr em risco os demais integrantes da família.

Esse conteúdo foi importante para você? Deixe o seu comentário e compartilhe com os seus amigos.

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0

Comments

0 comments

Saiba tudo sobre viajar de avião com seu cachorro

5 Sinais que seu cachorro precisa passear mais